Barra do Governo do Estado de São Paulo

Poupatempo

Notícias

4/12/2009

Poupatempo tem mais de 40 ações no Dia Internacional da Pessoa com Deficiência
Programação especial com recepção dos cidadãos em Linguagem Gestual, dança de cadeirantes, oficina de Braille e demonstração de uso dos terminais de acesso universal
 
3 de dezembro é o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, data oficial instituída pela ONU (Organização das Nações Unidas) em 1992, com o objetivo de promover os Direitos Humanos de todos os cidadãos com deficiência. Para marcar a data, todos os 15 Postos Fixos do Poupatempo no estado organizaram ações especiais. No total, 42 atividades foram realizadas.
 
Na capital, os Postos tiveram apresentações de corais de funcionários e recepção dos cidadãos utilizando a Linguagem Gestual. Na Grande SP e Interior do Estado, teatro mudo, ballet de cadeirantes, palestras sobre inclusão, distribuição de material com o alfabeto da Língua Brasileira de Sinais (Libras), oficina de braille e exposição de artesanato. Diversas Unidades vão receber visitas monitoradas de alunos de entidades para pessoas com deficiência, para conhecer os serviços prestados e utilizar os terminais de acesso universal, com equipamentos e softwares especiais nas salas do e-poupatempo.
 
“Com esta grande ação em todos os Postos do Poupatempo no estado de São Paulo, que são exemplo na preocupação com a acessibilidade e o bom atendimento de todos os cidadãos, queremos chamar a atenção da população para a importância da inclusão da pessoa com deficiência”, diz o Secretário de Gestão Pública, Sidney Beraldo.

A cobertura completa dos eventos realizados em homenagem ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência está no Blog do Poupatempo.
 
Acessibilidade no Poupatempo
Os projetos dos Postos Poupatempo contemplam rampas e elevadores quando necessário. A informação sobre os serviços está disponível por folhetos nos Postos, que também pode ser explicada pelos Orientadores ao Cidadão, na Internet e pelo teleatendimento.
 
Em cada Poupatempo, há equipes de atendentes que são capacitados para o atendimento à pessoa com deficiência. O Programa conta hoje com 354 colaboradores formados em Libras – Língua Brasileira de Sinais, facilitando a comunicação das necessidades deste público com relação aos serviços prestados no Poupatempo.
 
Os terminais de acessibilidade, instalados nas salas do e-poupatempo dos postos de Itaquera, Santo Amaro, São Bernardo do Campo, Guarulhos, Ribeirão Preto e Campinas Shopping, permitem que cidadãos com diversos tipos de deficiência tenham acesso aos serviços eletrônicos do Governo de SP.
 
“O conceito de atendimento do Poupatempo tem como princípio que todos são iguais sem distinção de qualquer natureza. Assim, o Programa trabalha buscando o acesso universal em seus Postos, preocupando-se com a acessibilidade arquitetônica, da informação e da comunicação”, disse o Secretário de Gestão Pública, Sidney Beraldo.
 
Mais de 24,6 milhões de brasileiros possuem pelo menos um tipo de deficiência segundo o censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). No estado de São Paulo, são mais de 4,2 milhões, sendo que 2,6 milhões são portadores de deficiência visual. Por isso, o Programa Poupatempo promove a inclusão das pessoas portadoras de deficiência em todas as Unidades.
 
Programa Poupatempo
O Poupatempo é um Programa do Governo do Estado, vinculado à Secretaria de Gestão Pública e administrado pela Prodesp – Tecnologia da Informação, que há 12 anos presta serviços de qualidade à população.
Poupatempo